quarta-feira, julho 30, 2008

Adepto processa clube

O afastamento do CSKA Sofia da Liga dos Campeões, por dividas à Federação búlgara, levou um adepto a exigir do clube uma indemenização de 160 mil euros por "danos morais" e "disturbios mentais".

Sendo uma medida inovadora e surpreendente não deixa de ser uma medida a ter em conta, uma vez que alguns adeptos vivem para os clubes, gastando "rios de dinheiro" em mershandising, bilhetes e viagens, para além do tempo que passam por ele e com ele, e se uma pessoa pode processar a outra por traição consumada, porque não processar um clube do qual se é sócio por uma traição?

Se o FC Porto tem sido afastado da Liga dos Campeões por incumprimento das regras estabelecidas, seria também viável que algum adepto portistas apresentasse semelhante processo? Ou no caso do Boavista, a descida de divisão pelas razões conhecidas, seria ou não caso para um adepto pedir "justiça" para ele proprio?

No caso deste adepto búlgaro ganhar a acção, abre-se um excelente precedente para o futuro dos verdadeiros adeptos dos clubes, que veem os seus "amores" a serem vilipendiados e enganados por um qualquer chico-esperto ou trafulha que desvia mundos e fundos para proveito próprio, sendo que assim os clubes e os seus adeptos teriam uma defesa contra certo tipo de maquinações maquiavélicas que são perpretadas por alguns individuos, na "sombra" ou na "capa" do bom nome dos clubes, arrastando com eles os clubes e os adeptos.

1 comentário:

Anónimo disse...

http://prixviagragenerique50mg.net/ vente viagra
http://prezzoviagraitalia.net/ costo viagra
http://precioviagraespana.net/ viagra generico