segunda-feira, janeiro 31, 2005

Atípico

É o que se pode dizer da decisão da SAD do F.C. Porto... Lá se vai o Fernandez ter de se preocupar com outras paragens e outras equipas. Então não era com Fernandez que Pinto da Costa disse em Dezembro que estava a tratar de renovar o contrato???...
Três treinadores numa época. É a primeira vez que tal acontece no "reinado" do Pinto da Costa. O excesso de dinheiro provoca cegueira, tá visto...
Infelizmente para mim benfiquista se calhar agora ainda acertam no treinador a tempo de ganhar o campeonato... Espero que não.

93 Anos depois!

Desloquei-me ontem ao estádio do Dragão para meu infortúnio. Sexta-feira tinha chegado a vinheta correspondente ao pagamento das quotas de sócio. Estava frio mas achei que iría valer a pena deslocar-me lá. Enfim, não pudería estar mais enganado. Algo vai mal, muito mal no meu clube. Já aqui disse várias vezes que sintoma disso é contratar-se um jogador que se conhece mal e pô-lo logo a jogar. Passou-se ontem com o Cláudio, e não quero dizer com isto que ele esteve mal, porque até mostrou algo de interessante, já se tinha passado com o Leo Lima, que esteve bastante bem nesse jogo, mas passar-se-á sempre que houver desnorte. O FCP entrou em campo com dois jogadores titulares indiscutiveis da época passada, dois! Vitor Baía e Costinha, já que Pedro Emanuel era minoritáriamente titular, assim como Bosingwa. De resto, conte-se 5 brasileiros, 6 com a entrada de Cláudio, um grego e o resto portugueses.
Uma das leis de Murphy diz que se algo tem tendência para correr mal, então vai correr mal de certeza. O FCP já devería estar consciente do ciclo que se fechou na época transacta, pela dimensão dos feitos, pela adequabilidade da equipa aos mesmos, e, quanto mais não seja, pela ausência de técnicos e jogadores que permitiram que eles fossem atingidos. O que se vê nesta altura, não é nada mais nada menos do que ausência da capacidade de ultrapassar este periodo de mudança. Algo falhou no início e que se está a tentar remendar à força com a contratação de jogadores. Ou então algo muito pior, está muita gente a encher os bolsos ao mesmo tempo que os sócios ficam incrédulos. Já se sabe que anda muito dinheiro no futebol e nos seus meandros nem se fala, só que antes, quem ganhava o dinheiro estava minimamente preocupado com o sucesso do clube. Agora é o que se vê! Fala-se de similaridades com o ano em que Octávio Machado foi treinador do FCP e que antecedeu a vinda de Mourinho, depois de termos perdido no Bessa, pois bem, nesse ano pareceu-me que os jogadores estavam literalmente a "fazer a cama" ao treinador, coisa que este ano não me parece. Se acham que o treinador não serve, que se mande embora o mais rápidamente possível. O que me parece é que hoje em dia muita gente manda, muita gente tem opinião e interesses.
Não me venham dizer que o campeonato está nivelado por cima, porque a exibição de ontem do FCP esteve demasiados furos abaixo, que qualquer equipa que jogasse alguma coisa de jeito, arrancava pontos. Beira-Mar e Boavista conquistaram 3 pontos no Dragão e eu pergunto: O Beira-Mar joga bem? O Boavista joga bem? O FCP não joga, ou não jogou, rigorosamente nada! O Braga tem o mérito de ter imposto uma pesada derrota ao FCP, e de assumir as despesas do próprio jogo, ou seja, não veio cá para empatar, veio jogar de "peito aberto", e aí sim, reside o seu sucesso! Se olharmos para anos passados, vemos equipas como o Braga ou outras que estão a fazer um bom campeonato, com plantéis tão bons ou melhores do que este ano, por isso, não é nelas que reside a diferença, mantenho. O FCP é, actualmente uma equipa banal, do meio da tabela!
Ainda sobre o jogo, há um ditado brasileiro que diz que "pão de pobre cai com a manteiga virada para o chão". Quero com isto dizer que, para além do FCP não jogar nadinha e merecer tantas derrotas quantas as necessárias para se reerguer, o segundo golo surge de um fora de jogo escandaloso, o 1º e 3º golos nascem de infantilidades de dois jogadores do FCP e no estádio pareceu-me, que a expulsão do Maniche é tão adequada como sería uma vitória do FCP neste jogo.
Parabéns ao Braga, aos seus adeptos que se deslocaram ao estádio, e foram muitos, ao seu treinador e aos seus jogadores.
O título do meu comentário faz referência ao ano em que o Titanic também bateu no fundo, só espero que não seja no mesmo mês, porque para o FCP será tarde de mais, se quiser manter aspirações ao título e/ou lugares de acesso à liga dos campeões esta época.
O meu clube foi, é e será sempre o FCP! Nos bons e maus momentos!

Delibasic



Nova contratação do Benfica. Afinal sempre contratámos um jogador... A ver vamos é se é uma mais valia como o Nuno Assis ou se mais valia estarem quietos...
Em A Bola:
"Delabasic, de 23 anos, é um jogador alto, com 1,88 m, forte fisicamente (84 kg), que começou a carreira no Partizan de Belgrado, onde marcou 47 golos em 85 jogos. Depois foi transferido para o Maiorca, onde marcou oito golos nas duas últimas temporadas."

(Alguma) Reflexão

Treze horas já passaram após tudo o que presenciei ontem à noite no Lindo Estádio do Dragão, já dormi (mal, mas enfim...), tive algum tempo para reflectir sobre tudo que se passou ontem e, sobretudo até ao momento nesta época com o «meu» clube.
Estou certo que esta deve ser a primeira coisa que todos os portistas deveriam fazer, incluindo obviamente toda a direcção do clube e da SAD, dado ser ela a que tem nas mãos a responsabilidade de resolver os problemas para os quais eles próprios contribuiram de sobremaneira.
O TREINADOR, Victor Fernandez, pediu, pede e, certamente irá continuar a pedir tempo. Contudo já lá vão cerca de 6 meses e não se vislumbram melhorias no rendimento, nas atitudes e, claro está, nos resultados da equipa. Passa-se exactamente o inverso. Como principal responsável pelo conjunto tem as suas grandes responsabilidades no que está a suceder. Infelizmente, eu que sou contra as chicotadas psicológicas, creio que nesta altura o FCP faria muito bem em contratar um novo treinador, desde que ele seja português e, o ideal seria fazer tal e qual como aconteceu recentemente com outro treinador, ou seja, recuperar a equipa para a próxima época! Sim, é mesmo isso, esta época so por mero acaso é que o FCP conseguirá superar todas as adversidades que ele próprio criou!
Os jogadores são bons, ninguém duvide disso. Dou aqui o exemplo de um, o Diego. Tem uma técnica individual como poucos no Mundo, recebe quase sempre bem a bola, protege-a como ninguém e remata bem (mas pouco). Tudo parece perfeito, não é? Que lhe falta então? A resposta é muito simples. Na minha opinião, falta-lhe um Professor! Um treinador que lhe diga que eu, todos os restantes adeptos do FCP e os colegas dele não vamos ao Dragão, nem aos outros Estádios todos onde a equipa se desloca para o ver jogar a ele, mas sim ao nosso clube e respectiva equipa! Não me lembro de ver o nosso suposto "número 10" a fazer uma assistência para golo, com aqueles passes que rasgam as defesas, não me lembro de o ver a pôr os extremos a correr. O Quaresma anda ali descansadinho porque não o põem a usar a sua velocidade. Na primeira parte em Leiria, o nosso 10 foi o Leo Lima que deu outra objectividade ao jogo da equipa. O resultado foi que o FCP fez uns belos 45 minutos, nos quais o Quaresma e o McCarthy se fartaram de correr e estavam sempre em jogo, apenas e só porque havia ali alguém que os punha constantemente a criar desequilíbrios!
A verdadeira questão é que dá a nítida sensação que actualmente há jogadores que, independentemente da sua forma, têm de jogar sempre! É isto que está a dar cabo disto tudo! Acaba o espírito de grupo, acaba a sinergia com o público, enfim termina tudo aquilo que nos fazia diferentes de todos!
Só para terminar, não quero com este comentário menosprezar toda a justiça que o SC Braga teve no triunfo de ontem à noite no Dragão. Como se vê, pelo trabalho realizado por Jesualdo Ferreira, é possível ter jogadores com boa capacidade técnica (Jaime, Wender) a jogarem em prol de um conjunto! Parabéns ao Braga.

Bom Futebol!

Tive a oportunidade de assistir a alguns jogos na TV esta semana, e confesso que gostei do que vi, sabado à tarde vi um jogo muito bem jogado em Coimbra, oportunidades de golo, bom futebol, bons jogadores, gostei! José Castro não merecia um erro daqueles no 2.º golo do Guimarães, e gostei muito do Rafael Gaucho, erra poucos passes, bom tecnicamente, bom remate, pareceu-me ser bom jogador. O Guimaraes acabou por ser mais feliz, e venceu bem.

À noite o Moreirense-Benfica, não foi um jogo tão bom, apesar de ter alguns momentos de bom futebol, uma palavra para a arbitragem deste jogo (foi na minha opnião a melhor que já vi esta época, deixou jogar, deu poucos cartões, e soube dialogar com os jogadores e acima de tudo teve um critério igual para as 2 equipas)

No domingo o Boavista e o Gil Vicente proporcionaram um excelente espectaculo de futebol, emoção e bom futebol, gostei muito do que vi. Bons jogadores de um lado e de outro, este Boavista é na minha opnião das equipas que melhor futebol tem praticado, tem excelente jogadores, João Pinto, José Manuel, Hugo Almeida, Guga, Nelson, Carlos Fernandes, Lucas, Andre Barreto...

Depois o Porto-Braga, valeu pelo excelente jogo que o Braga fez, está a jogar muito bem, troca muito bem a bola, defende bem, tem excelentes jogadores, parabéns ao Braga! Começo a ter duvidas de qual é a equipa que melhor futebol pratica em Portugal, depois de ver os últimos jogos do Braga...

No Restelo, e conhecendo as 2 equipas, duvido que tenha sido um mau jogo de futebol, Belenenses e Rio Ave devem ter realizado um bom jogo de futebol.

Nada mau, 5 bons jogos de futebol numa jornada já não é mau...
Espero que hoje o Sporting-Setubal seja a continuação dos bons jogos de futebol, e por aquilo que as 2 equipas nos têm habituado seria uma desilusão acontecer o contrario.
Já não à duvidas que este é o melhor campeonato, pelo menos dos últimos 20 anos, e não penso que esteja equilibrado por baixo, muito pelo contrario, os 3 grandes devem ter os melhores planteis dos últimos 10/15 anos...

Grande abraço e bons ataques!

Temos candidato

Uma equipa como a do Braga no Dragão só pode ser candidata ao título. Não sei se será fácil conseguir manter o nível exibido, mas a jogar da forma como jogou não me admira nada que tenhamos aqui uma grande surpresa na nossa Superliga. De forma determinada, corajosa, o Braga foi a meu ver sempre a melhor equipa em campo e o resultado apenas pode pecar por escasso face à quantidade de oportunidades desperdiçadas pelos arsenalistas. O jogadores do FCP andam de cabeça perdida. Vejam bem algumas entradas dos jogadores azuis e brancos durante o jogo, além dos casos de indisciplina nos anteriores jogos.
Só uma palavra final para o Fernandez, no seguimento do meu comentário da semana passada, será que o Sr. agora já está preocupado com o Benfica??... É que agora já têm os mesmos pontos...

domingo, janeiro 30, 2005

No Fontelo mandamos nós!

ACADÉMICO 1 Fátima 0 - Golo de Jairson aos 8 minutos. Rogério a defesa direito, Nélson a defesa esquerdo, João Armando bem a defesa central e Jorginho mais subido no terreno. Rui Bento não inventou e o Académico arranca uma vitória sofrida mas muito saborosa. No Fontelo mandamos nós e temos que ganhar os jogos todos até ao fim da época. Fora de portas temos que dar o nosso melhor, começando já na próxima jornada em Abrantes. No fim fazemos contas.
O Tourizense foi o grande vencedor desta jornada com uma excelente vitória em Pombal por 3 a 0. O Sporting da Covilhã consentiu o empate, já muito próximo do fim, frente ao Abrantes e perdeu uma grande oportunidade de se aproximar do Mafra, que empatou em Olivera de Azemeis. O Penalva conseguiu um excelente empate em Torres Vedras e continua a perseguir o sonho de se manter nesta divisão.
Uma referência a uma equipa da A.F.Viseu: O Sport Lisboa e Nelas ( III Divisão, Série C ) venceu o S. João de ver e aumenta para 13 pontos a vantagem sobre o terceiro. Lindo! Excelente!
P.S. Estive a ver a primeira parte do Porto - Braga. Vi uma criança na 1ª linha de uma das claques do Porto. Com os palavrões e os insultos que normalmente os componentes das claques vociferam, que está esta criança a aprender? A amar o futebol e clube do coração ou a odiar os adversários?
Bons ataques!

sábado, janeiro 29, 2005

Estrela Amadora / Liga Honra


FUTSAL - Juniores

Ringue Capitão Salgueiro Maia - São Domingos de Benfica.
Bairro São João - C. F. Estrela Amadora -----> 3-9 (1-4 ao Intervalo)

Um bom jogo de Fustal, para desanuviar um pouco, na vespera de mais uma jornada da Liga de Honra.
Há miudos com muita qualidade, sobretudo o capitao de equipa do Estrela, sempre a posicionar, e a motivar, os colegas e estes a ouvirem-no e a fazerem o q lhes era dito.
Destaque para varias jogadas de excelente recorte tecnico do lado tricolor. Varias bolas nos postes, varias triangulaçoes, varias oportunidades perdidas.
Arbitragem excelente, de um senhor q conhecia bastante bem a regras de futsal, bem a dirigir e acima de tudo sem se notar, nao tendo sido detectado um unico erro!!! É obra.
Foi um bom jogo no seu todo, com 3 boas equipas, embora os Bairristas tenham obviamente menos qualidade tecnica, dai o resultado final.


LIGA HONRA

Liga de Honra q ate começou hoje com o jogo Ovarense-Naval.
A meio da semana assistiu-se á debandada de varios jogadores, da Ovarense, com ordenados em atraso. Consta q so receberam agora metade de Outubro!!! Ora estamos a começar Fevereiro, ou seja, 15 dias de Outubro em falta + Novembro, Dezembro e Janeiro, pelo meio Subsidio de Natal e premios de jogo.
Sim senhor muito aguentaram estes jogadores se virmos o lugar q ocupavam na classificaçao antes desta jornada, 5º Lugar.
O resultado nao podia deixar de ser outro, uma derrota estrondosa em casa por 0-3, com uma das equipas q melhor joga futebol na Liga de Honra, a Naval 1º Maio.

Hoje mais uma noticia reveladora do q se passa nesta 2ª Liga. Os jogadores do Chaves dizem entrar em greve se nao lhes pagarem o q se lhe devem, enfim...

Para esta jornada temos o Estrela em Olhao com duas boas noticias, o melhor jogador do Olhanense, de seu nome Livramento, q se teria falado ir pra Italia decidiu abandonar o Algarve, nao para o pais em forma de bota, e sim para o meio do Atlântico mais propriamente para o Santa Clara.
Sinceramente q raio de opçao desportiva, sabendo q os açorianos estao em lugar de descida. Sebem q o Olhanense o ano passado estava na 2ª Divisao B e se calhar o rapaz terá saudades daquela divisão e o clube mais à mao de lhe possibilitar o regresso seria o Santa Clara.
Outra noticia foi q um dos obreiros da subida o ano passado, Nelson Afonseca, tb rescindiu, tendo proposta de equipas da 2ª Divisao B e da 3ª Divisao.
Eu nao digo? Os rapazes estao cheios de saudades das divisoes inferiores.
É pena porque é uma das equipas q eu gostaria de ver subir, paciencia.

Nos restantes jogos: O Paços Ferreira vai aos Açores, tentar fazer melhor q o Estrela fez la (0-0).
Varzim - Chaves jogo de aflitos, se nao houver greve transmontana.
Sp. Espinho - Maia, adeus definitivo do Maia ou do Sp. Espinho, um para subir outro para descer.
Felgueiras - Marco, a equipa do anti-jogo contra a maior surpresa da Liga Honra, o Marco, ainda nos 3 primeiros depois desta jornada?
Alverca - Leixoes, jogo para dormir, o Alverca nao csg nem sabe jogar futebol de Liga de Honra, estao condenados á descida e o Leixoes q nao precisa do resultado nem pra subir nem pra nao descer.
Gondomar - Portimonense, 12º recebe o 10º, mais um jogo para "aquecer".
D. Aves - Feirense, sinceramente espero q o Feirense retribua o resultado q o Aves foi fazer a Santa Maria da Feira, em q os "passaros" ganharam 5-1!!! Era uma boa prenda para o prof. Neca sair do pedestal em q pensa estar.

sexta-feira, janeiro 28, 2005

Estamos a melhorar

Nos dias 13,14 e 15 de Janeiro disputou-se na Ericeira um Torneio de Inter –Associações Sub 19 futebol Feminino.
A equipa vencedora foi o AF Porto, que disputou a final com a AF Lisboa e venceu por 5-2.
O Torneio foi muito bem disputado com boas exibições e pode não só mostrar a evolução que o futebol feminino está a ter e que os escaloes de formação estão a dar
boas provas de mérito e bom desempenho.
As boas exibições das equipas demonstraram que apesar de todas as contrariedades quer financeiras quer de caracter social onde (infelizmente) muita gente ainda diz que futebol é coisa de homem, este torneio demonstrou que o futsal feminino está no bom caminho para cada vez mais se afirmar como uma modalidade cada vez mais interessante e com qualidade.
É de notar que a afluência do pùblico não foi muito boa, e isso deveria ser mudado nos parametros da consciencia de cada um, pois dizem que não vêm qualidade no futsal feminino mas quando se faz algo bastante bom para os meios que existem as pessoas simplesmente não aderem, então como querem ver mudanças?
É certo que tambem não existe garnde publicidade em torno desta modalidade mas tendo em conta que os apoios são muito escassos, já para não falar da falta de condições que existe para treinar acho que é de louvar o esforço que as meninas tem feito para se manterem em prova e mostrarem o seu valor.
Eu sempre defendi o Futebol Feminino, não só porque gosto de Futebol, mas porque tambem já joguei numa equipa onde a ideia que muitos tem que mulheres é só caneladas foi posta de lado com boas exibições, por isso apesar de hoje em dia apenas apreciar do lado de fora procuro defender esta modalidade que ainda sofre bastante descriminação por parte de muita gente.

O parente pobre

Sou adepto do 12º classificado da 2ªB, Zona Centro, o Académico de Viseu. Sou por isso o parente pobre deste painel de comentadores. Os adeptos do Porto, continuam ainda " embriagados ", com os sucessos da época passada, são líderes da classificação e por isso estão felizes. Os adeptos do Benfica eliminaram o grande rival da taça de Portugal e também estão felizes. Os adeptos do Sporting, apesar de eliminados, ficaram contentes com a exibição da equipa e estão confiantes no futuro. O estrelista também anda feliz, pela liderança da Liga de Honra e pela campanha na taça ( parabéns! ) e por certo sonhará levantar mais um vez o " caneco ".
Tal como o Luís Sobral disse, os adeptos não mereceram um jogo assim. Porquê? Porque só falam de arbitragem. E não pensem que os benfiquistas são melhores que os sportinguistas ou vice - versa. Hà benfiquistas que não percebem as críticas dos adeptos do Sporting no jogo da taça, mas criticaram ferozmente o árbitro do jogo do campeonato. Porquê? Porque perderam. Há adeptos sportinguistas que não perceberam as críticas dos adeptos do Benfica no jogo do campeonato, mas atiram-se ao àrbitro do jogo da taça. Porquê? Porque perderam. Hà ainda aqueles, que até na vitória se queixam do àrbitro. Dou como exemplo uma mensagem escrita que recebi no meu télemóvel, de um amigo meu, que é benfiquista e conhecedor da minha costela sportinguista : " Nem com a ajuda do homem de negro conseguiram ganhar". Não tenham dúvidas que nós, adeptos, também temos culpa de termos este futebol.
Agora falando do ACADÉMICO DE VISEU, na semana passada perdemos novamente e desta vez em Mafra. Era o jogo ideal, para demonstrar que mereciamos subir, em vez disso demos uma péssima imagem do nosso valor. O treinador Rui Bento, parece sempre mais procupado com a sua roupa domingueira do que intervir no jogo, meter o Rogério a defesa - central e o Jorginho a defesa direito, não lembra ao diabo, mas o técnico dos viseenses fê-lo. O Caju não faz nada digno de relevo, é falta de ambição ou má forma física? A mim parece-me falta de ambição. Hoje li no Record que o Rui Lage rescindiu e assinou pelo Nelas, é mais um balde de água fria, tal como ver o Rui Manuel a treinar o Nelas e ver o Paulo Listra no Penalva, pois são verdadeiros academistas.
Apesar do desolador 12º lugar, Domingo lá estarei nas bancadas do Fontelo, para ver uma vitória sobre o Fátima.
Bons ataques!

Grande Espectáculo!

Boa tarde a todos. Como portista fanático que sou, devo dizer-vos que custa mesmo muito estar de fora de uma competição. Ainda para mais para ver jogar os nossos dois grandes rivais de sempre. Felizmente que o sorteio os juntou nesta eliminatória e, assim só terei de suportar os jogos de um deles!
Contudo é justo dizer-vos que gostei muito deste jogo. Há, de facto, muitas coisas a dizer sobre o mesmo, dado ter acontecido de tudo um pouco.
1) O FUTEBOL foi, como nós gostamos, de ataque! As equipas entregaram-se ao máximo na disputa pela vitória final e, assim tivemos golos, muitas ocasiões desperdiçadas (de parte a parte), um ritmo de jogo elevado e constante, muita emoção, enfim todos aqueles condimentos que suportam toda a nossa paixão pelo futebol. Assim sendo, estão todas as equipas de parabéns!
2) O VENCIDO - Sporting. Foi, em minha opinião mais equipa que o seu opositor. Troca melhor a bola, tem uma equipa melhor estruturada e tem melhor treinador. Contudo, a sua superioridade no jogo não teve repercursões ao nível das ocasiões de golo, já que estas foram repartidas de parte a parte. Tiveram muita atitude e dignidade os jogadores leoninos, mas também tiveram muito azar, tal como teria o Benfica caso o Sporting tivesse vencido. Em suma, nenhum merecia perder, mas honra seja feita ao vencido que caiu de pé.
3) O VENCEDOR - o Benfica. Esteve muito bem no ataque, pois quando quer Geovanni pode fazer a diferença. É rápido e muito tecnicista, mas muito inconstante (não é por acaso que os colegas o tratam por "Sono"). Simão e Manuel Fernandes também, a espaços, apareceram muito bem, no entanto o maior destaque vai para o João Pereira. Fez um belíssimo jogo, ao ponto de fazer esquecer durante a partida o excelente jogador que é Miguel. Dos Santos merece também uma boa referência, pois fez um bom jogo, encorporando-se várias vezes nas jogadas ofensivas da sua equipa e ajudou a dar outra liberdade ao Simão.
4) O ÁRBITRO esteve bem. Na minha opinião só não esteve excelente porque não expulsou o Bruno Aguiar. Não se compreende como foi possível mostrar só o amarelo. No lance do Hugo Viana devo dizer-vos que o achei bem expulso. No futebol uma tentativa de agressão é punida com cartão vermelho directo. Aquilo não foi uma tentativa. Foi uma pequena agressão, fruto de uma grande ingenuidade do Hugo Viana, na qual o João Pereira aproveitou para fazer o seu papel, no entanto é de lembrar que nesse mesmo lance a entrada a pés juntos do Hugo já havia sido muito arriscada.
5) Não consigo perceber as palavras de JOSÉ PESEIRO para o João Pereira. Fala ele em teatro do lateral do Benfica e tem razão! Contudo nunca o ouvi falar assim do seu jogador Liedson, apenas e só o expoente máximo dessa vertente que temos no nosso país... E fala ele que o Hugo Viana nada fez, o que é mentira e, ainda diz que na Superliga agressões bem mais brutais não são sancionadas com os respectivos cartões vermelhos, fazendo alusão às cotoveladas do McCarthy e do Fabiano. Aí ele está certo, não há dúvida! Convém é lembrar-lhe que só o Rochemback já o fez tantas vezes como o Benny e, nem um processo sumaríssimo lhe foi instaurado! É de lembrar o que se disse e escreveu a imprensa há um ano quando José Mourinho (agora que já não veste de Azul já é considerado por unanimidade o Melhor Treinador do Mundo) chamou Palhaço ao Liedson em contraponto com o que se diz agora desta atitude do Peseiro...
6) Os COMENTADORES são uma autêntica anedota! Foi incrível como presenciamos ali em directo outro derbie para nos consolarmos... Fartam-se de acusar os árbitros de falta de isenção e eles com tantos telhados de vidro deveriam era estar bem calados. Absolutamente incrível!
7) Os ESPECTADORES fizeram uma festa muito bonita. É assim mesmo, basta haver armonia entre os dirigentes e como se vê o espectáculo é logo outro. Parabéns, à excepção, claro está, do triste episódio dos telemóveis... Continuo a dizer que as claques têm muita coisa de bom, contudo mancham todo um bom espectáculo com atitudes reprováveis e sem nexo algum...
Enfim, houve de tudo neste jogo, está de parabéns o futebol, as duas equipas e os seus adeptos e, já agora o PAÍTO. Grande golo! Gostei até pelo que ele fez ao LUISÃO... Espero que se calem com essa de dizer que o central brasileiro é um jogador de grande categoria. Na minha opinião, posiciona-se bem no terreno, é alto e ganha muitos lances de cabeça, no entanto, com a bola nos pés é uma vergonha, é lento, é sempre ultrapassado no um para um com grande facilidade e, mesmo no jogo aéreo não tem classe, pois se a tivesse podia fazer muitos golos. Dá impressão que fecha os olhos para cabecear. Volto a frisar que é tão só a minha opinião...
ABRAÇO A TODOS.

quinta-feira, janeiro 27, 2005

Uma noite quente

Foi boa até certo ponto a disputa entre Benfica-Sporting de ontem á noite.A noite fria que se fez sentir ontem aqueceu num instante com as duas equipas a mostrarem que não estavam ali para perder.
Há muito tempo que não se via um jogo tão entusiasmante em Portugal, provavelmente porque o futebol jogado ontem é anómalo para o que estamos habituados.
O Benfica entrou muito bem em jogo tendo mostrado garra e assim marcou o primeiro golo nascido de um livre cobrado por Simão Sabrosa que quase não entrou na baliza mas que na recarga Geovanni fez o favor de colocar a bola na baliza leonina.
A ganhar e ainda por cima tão cedo seria de esperar que o Benfica não se deixasse agarrar á vitória por 1-0 e tentasse mais, mas o que vimos foi um Sporting que acabava de acordar e passou a dominar o jogo de uma forma bem consistente com um meio campo fortissimo constituido por Custódio, Pedro Barbosa, Hugo Viana e Rochemback que circularam a bola com rapidez e conseguiram superiorizar-se a Petit, Bruno Aguiar e Manuel Fernandes.
O Sporting sem muita pressa foi pressionando a equipa das Águias, e isso levou a algumas faltas por parte dos vermelhos. E foi exactamente por uma dessas faltas que levou Hugo Viana a marcar um livre ao qual ninguém estava a espera que resultasse no fantástico golo de pé esquerdo.
Mesmo assim o Benfica pareçe não ter acordado e deixou que os Leoes continuassem a tomar conta do jogo e por isso não foi de estranhar que passado pouco de dois minutos
Liedson voltasse a marcar para a equipa Leonina.
Só depois de estar a perder é que o Benfica percebeu a realidade e decidiu mudar o resultado e num livre de Petit, que Tiago não conseguiu agarrar Geovanni surgiu de novo para dar o empate.
Depois disso muitos lances envoltos em polémica , também graças á arbitragem que foi de muito longe uma arbitragem consistente, onde a expulsão de Hugo Viana é completamente injusta, mas pelo que pareçe expulsar jogadores do Sporting está na moda…..
Claro que ainda houve bons momentos de jogo como a bela “ iluminação” de Paito que colocou Luisão (que passou boa parte do jogo a manifestar-se de forma abrupta) a pensar o que se tinha passado quando a bola passou por ele e foi direitinha a baliza. Nós Sportinguistas começamos a acreditar novamente que podiamos vençer mas novamente outra iluminação desta vez benfiquista fez com que Simão marcasse para o Benfica e tudo em aberto novamente.
Não posso deixar de evidenciar que o Sr.árbitro terminou o jogo antes do Tempo o que faz com que mais uma vez a sua exibição não fosse boa.
O jogo decidiu-se a penalties, na minha opinião mal, porque não sou a favor de um jogo resolvido assim mas são opiniões, é de notar que o Sr. Quim teve uma atitude bastante triste fazendo pressão sobre os jogadores leoninos, por isso em relação ao seu cartão concordo.
O benfica ganhou, não acho que tenha ganho quem mais lutou pela vitória, mas sim quem até jogou bem ,teve a sua pontinha de sorte e acreditou, mesmo assim tenho Fair-Play e Parabens ao Benfica e ao meu Sporting pela bela exibição que fizeram.

Mérito, Taça e Disciplina.

Mérito

Os sete pecados de Mourinho:
Gula – (s.f. o.m.q. glutonaria, avidez, gulodice, excesso de comida e bebida) Neste caso por vitórias.
Inveja – (s.f. o.m.q. glutonaria, avidez, gulodice, excesso de comida e bebida) Neste caso dos títulos que outros têm, e que ele quer conquistar também.
Ira – (s.f. o.m.q. cólera, zanga, indignação, raiva, desejo de vingança) Neste caso quando não atinge o objectivo ou sucesso pretendidos.
Luxúria – (s.f. o.m.q. libertinagem, sensualidade, lascívia) Neste caso quando atinge o objectivo ou sucesso pretendidos, e vê-se no olhar e no sorriso.
Preguiça – (s.f. o.m.q. aversão ao trabalho, tendência viciosa para não trabalhar, negligência, indolência) Neste caso qualquer semelhança com a realidade é pura ficção, a mim costuma dar-me ao fim de semana e em épocas festivas…Existe ainda o significado zoológico do termo e que é um mamífero desdentado do Brasil, que não creio compadecer-se com a fisionomia do homem.
Orgulho – (s.m. o.m.q. exagerado conceito que alguém faz de si próprio, sentimento elevado da sua dignidade pessoal, soberba, pundonor, brio, empáfia) Neste caso, tendo conquistado o que conquistou em tão pouco tempo e saído do anonimato, é caso para dizer: “orgulho-me de ter tido um treinador orgulhoso!”
Deixo para o fim a Avareza, porque o homem é bastante avarento e isso irrita-me, então não é que ele ao serviço do FCP perdeu uma final da taça de Portugal, não alcançando desta forma o mesmo número de títulos, ao serviço do FCP, que os seus pecados. Por amor de Deus, Sr. Mourinho, não seja mesquinho e sovina no seu futuro.
Parabéns e obrigado Mourinho, por todo o trabalho realizado, por todos os títulos conquistados, por todas as alegrias dadas, por todo o entusiasmo posto, pela dedicação, pelo trabalho, pelo carinho demonstrado, pelo profissionalismo, pela escolha, motivação, educação e treino dos jogadores, pela responsabilidade que tiveste nas minhas inúmeras deslocações à avenida dos aliados e a Sevilha, pelo serviço prestado ao clube pelo qual torço e sou sócio, e pelo qual fizeste com que se transformasse num ícone do futebol europeu e mundial. Por tudo isto, o meu obrigado. Aproveito este assunto, para mais uma vez dar o meu voto de confiança a esta direcção, a esta administração, que ao contrário de muitas outras, percebem muito, mas mesmo muito de futebol, apesar de estarmos a atravessar um período menos bom, talvez sinónimo do que eu já escrevi no início da temporada, ou seja, de adaptação, de um novo ciclo do reerguer da chama do Dragão.

Taça

Relativamente à taça de Portugal que ontem e anteontem se realizou, destaque para a segunda vitória do Boavista no campo do Nacional no espaço de 4 dias. Destaque também para a vitória do Setúbal sobre o Guimarães com os reforços do FCP a fazerem estragos mais uma vez, levando à demissão do técnico vimaranense. Destaque também para a vitória do clube aqui do nosso amigo Estrela, sobre o primo – divisionário Penafiel.
Deixei para último o clássico Benfica – Sporting pela dimensão e mediatismo do jogo. Contrariamente a muitas opiniões que tenho ouvido e lido, quer na imprensa falada quer na escrita, eu não achei um grande jogo de futebol jogado. Um espectáculo de futebol necessita de golos, de emotividade, de indecisão no resultado, “de calafrios” na barriga dos adeptos, de alegria e de tristeza, e isso sim, este jogo teve e foi isso que aconteceu, espectáculo. Agora de futebol bem jogado penso que este jogo foi parco. Quatro golos em 22 minutos, tendo sido três deles obtidos pela cobrança de livres e um em fora de jogo, dá-me sustentação ao que acabei de dizer. Agora os outros dois golos, principalmente o do Paíto, depois de correr 80 metros fazer aquela maldade ao Luisão, tem que se lhe diga…
Parabéns ao Benfica e aos seus adeptos, mesmo àqueles que já se tinham ido embora e tiveram de voltar para trás para verem os penalties, pela vitória e pela passagem à nova eliminatória da taça de Portugal.

Disciplina

Gostaria de deixar aqui uma consideração sobre o que se tem passado ultimamente no FCP, e em questões disciplinares e de agressões. Fiquem desde já com a ideia que, para mim, a violência entre adeptos, jogadores, árbitros ou outro qualquer interveniente num jogo, é reprovável e punível, como o é na sociedade em geral. Por isso, os jogadores do FCP que tiveram, têm ou que virão a ter atitudes destas, devem ser punidos e multados, não só pelo clube mas por quem de direito. Agora, eu acho que os jogadores do FCP em questão, apesar de deverem ser punidos e multados como disse, não o podem ser, visto que situações similares foram deixadas ao abandono, abrindo assim um precedente. Mais, gostaria de ver punidos, multados e criticados, todos aqueles que tentam enganar o árbitro, os adeptos, os clubes e o espectáculo futebol, simulando e fingindo lances. Acreditem numa coisa, mete-me mais nojo um jogador simular do que uma agressão, e dou um desses exemplos, a suposta cuspidela de Pepe a João Paulo é criticável e condenável, mais uma vez, mas João Paulo estava no chão agarrado à cara, a contorcer-se de dores, parecia que o mundo ia acabar, mas mal sentiu a dita acção de Pepe, parecia que ia com a bola isolado para a baliza em forma do jogador do FCP para efectivar o lance. Uma vergonha! Ontem aconteceu um caso desses, com um desfecho muito mau para Hugo Viana, a expulsão, por alegada agressão ao pequenino João Pereira.
Queria deixar aqui uma ideia que deve ser nova, pelo menos para aqueles que não são apoiantes do FCP, e que é a seguinte: Que tal criticarmos os jogadores de futebol do nosso clube quando estes nos tentam enganar num jogo em que participam? Eu já fiz a minha parte, e pelo menos uma das duas novas dispensas do FCP vão nesse sentido, concretamente o enganador César Peixoto. Rua com ele! Apesar de eu o achar bom jogador…
Um abraço,
João

O futebol é tão bonito

Porque será que chamam ao espectáculo futebol o desporto-rei, o melhor espectáculo do mundo?... Eu sei porquê. Porque ainda há jogos como o de ontem à noite.
Fantástico, vibrante, emotivo, enfim, tem como resumo que foi um grande jogo de futebol. Tal como disse o José Peseiro na conferência de imprensa, também há grandes jogos de futebol em Portugal e não só em Inglaterra e em Espanha. Só há um problema... Por cá há muito poucos jogos assim. Não me lembro de muitos nos últimos anos.
Não entendo porque é que os adeptos do Sporting preferem falar da arbitragem do que do magnífico espectáculo de futebol. E não concordo em nada que só o Sporting é que jogou e o Benfica foi dominado no jogo todo. Para mim foi assim que vi o jogo:
O Benfica começa praticamente a ganhar com um golo no seguimento de um livre (é claramente falta sobre o Nuno Gomes, que tenta fugir ao nigeriano do Sporting e este joga às pernas do Nuno) superiormente marcado pelo Simão, defendido pelo Tiago, e Geovanni na recarga (finalmente recargam os lances de bola parada!).
Excelente reacção do Sporting. Assumiu o jogo, começou a controlar o mesmo, a dominar principalmente no miolo do terreno. Por isso não espantou que chegasse ao empate num livre superiormente marcado pelo Hugo Viana (um dos melhores em campo), sem hipótese para Quim.
No minuto seguinte, distracção da equipa do Benfica, Liedson recebe a bola (em fora de jogo, mesmo sendo por pouco, é fora de jogo!) que remata fortíssimo. Excelente golo.
Estamos com 16 minutos de jogo. Parece que já tivemos uma hora a ver futebol tal o ritmo imposto.
O Sporting continua a liderar o meio campo e o Benfica pouco faz para chegar ao empate. Conquista uma falta (indiscutível) sobre o Bruno Aguiar. Claramente foi jogo perigoso do defesa do Sporting, e o árbitro António Costa marcou (e bem) livre indirecto contra o Sporting. A bola é colocada a uns bons 30 metros da baliza, mas Petit arranca brilhantemente para a bola, Tiago defende com dificuldade e Geovanni novamente na recarga iguala a partida.
Restante primeira parte dividida, após de algum domínio ao nível de posse de bola do Sporting, e se pensarmos bem em termos de ocasiões de golo só houve mais duas: uma em que a defesa do Benfica anda aos papéis e que o Polga remata por cima (após Sá Pinto dar com o braço na bola), e outra em que o Simão se desmarca perigosamente pela direita, e Tiago faz uma excelente defesa.
Pufff, acabou a primeira parte... Que barrigada de jogo.
Começa a segunda parte menos intensa, mas continua com emoção e oportunidades de golo. O Benfica recomeça melhor e os primeiros 15 minutos são da equipa encarnada. Melhor oportunidade de golo neste período, um remate de Nuno Gomes após uma jogada toda ao primeiro toque, com excelente defesa de Tiago.
Após este 15 minutos o Sporting equilibra novamente o jogo. Entre os 59 e os 60 minutos, tal como dizia Álvaro Braga Júnior ontem à noite na RTPN, o lance que pode caracterizar o brilhante jogo a que asisstimos: Rochemback remata violentamente à barra, na recarga Sá Pinto remata e Quim defende por instinto com o pé, o Benfica recupera a bola, lança Geovanni que se isola pela esquerda e remata ao lado. Ainda no mesmo minuto, nova jogada de ataque do Benfica, Nuno Gomes isola-se e Tiago faz uma defesa enorme!!!... Que grande jogo realmente...
No livre a favor do Sporting dizem que o Bruno Aguiar devia ter sido expulso. Andamos a brincar ou quê?... Como é lógico é falta para amarelo. O Liedson não se ia a isolar, tinha vários adversários ainda no caminho para a baliza. Como o Sr. António Costa felizmente não é o Sr. que apitou o jogo em Alvalade (que expulsou erradamente o Alcides) mostrou e bem o amarelo.
No resto da 2ª parte o jogo cai um pouco de ritmo e não há muitas oportunidades de golo.
Chegamos ao prolongamento. O Benfica começa muito melhor, talvez porque fisicamente teve mais um dia para descansar do que o Sporting, e naquela que foi a jogada mais bonita do encontro, após jogada de magia de Fyssas (quem diria, hein?!), e boa jogada de entendimento com Nuno Gomes, Simão e Carlitos este último faz um remate potente que bate incrivelmente na barra, no poste, e vem pra fora...
Passado algum tempo João Pereira sofre uma entrada perigosa de Hugo Viana (talvez para amarelo), mas resolve inventar e já no chão e após um leve toque do Hugo Viana, começa a rebolar pelo relvado. Expulsão injusta para o jogador do Sporting.
110 minutos: Carlitos perde a bola infantilmente, Paíto corre pelo corredor esquerdo fora, João Pereira não quer ser expulso e não faz falta, Paíto chega à área, faz um túnel(!!) a Luisão e remata colocado. Que grande golo... Sem comentários mesmo...
Estava a pensar eu com os meus botões, é impressionante como perdemos este jogo assim, não pode ser, o Simão como sempre nos grandes jogos não assume as responsabilidades, e... 115 minutos... Grande capitão... recebe a bola... e digo eu: "remata a merda da bola"... e não é que é um golo fantástico????... Um golo de raiva, de verdadeiro capitão!... Obrigado, era o que diziam todos os benfiquistas. E eu também!... :-)
Mais um apontamento final antes dos penalties para algo que ninguém fala. Já repararam que o António Costa acabou o jogo quando ainda estavam 119minutos e 40 segundos, numa jogada perigosa de ataque do Benfica??... Estranho...
Quanto aos penalties, penso que o árbitro esteve mal ao deixar o Quim pressionar em quase todos os pontapés os jogadores do Sporting, no entanto, já repararam que foi precisamente no único penalty marcado sem essa fantochada criada pelo Quim que o Miguel Garcia falhou??... Há razões que a própria razão desconhece... :-)
Resumo final: Grande espectáculo de futebol, seria injusto perder qualquer que fosse a equipa. Em termos de oportunidades de golo as equipas acabaram por se equivaler. Em termos de futebol jogado, mais rendilhado, claramente o Sporting é melhor, mas isso não quer dizer que seja uma equipa mais objectiva ou que me mereça por isso ganhar. Quanto à arbitragem penso que errou claramente para os dois lados, conforme demonstrei no que acabei de escrever, por isso não faz sentido falarmos de árbitros quando assistimos todos ontem àquele que foi provavelmente o melhor jogo de futebol em Portugal dos últimos anos e que infelizmente não vamos ver muito nos próximos tempos.
Bons ataques



quarta-feira, janeiro 26, 2005

2ª Liga Honra

Jornada 18

O Estrela derrotou a Ovarense num bom jogo de futebol, com golos de dois jogadores q eu tinha elogiado a jornada passada. Davide e Semedo, cada um marcou um tento e continuam a mostrar muito bom futebol.
A Ovarense foi completamente dominada e so nao estava a perder por mais por sorte e por ter um excelente guarda-redes, de ha muitos anos conhecido, Sergio Leite.Na segunda parte depois do 1-0 a Ovarense causou mais perigo mas mesmo assim a defesa foi dando conta.
Promenor da arbitragem em Portugal: O muro da bancada do Estadio Jose Gomes dista 1,5 metros da linha lateral, e neste jogo aconteceu q a bola, num lance de ataque vareiro, foi rematada contra a parede e entrou no campo de novo. Acham q o fiscal asinalou fora? Nem pensar. Pois é verdade a bola seguiu sem q tivesse sido assinalado lançamento lateral. O futebol 11 tb ja se joga com tabelas, inacreditavel. A arbitragem em Portugal este epoca esta linda.
Entretanto a meio da 2ª parte aconteceu algo insolito, as luzes do estadio apagaram-se e teve q se esperar 20min ate q voltassem. Este facto veio quebrar um pouco o ritmo, dos visitantes, q mal o jogo reatou sofreu o 2-0.A partir dai o Estrela encostou-se ao resultado e a Ovarense reduziu depois dos 90min.

Nos restantes jogos, destaques pra vitorias do Paços Ferreira, embora a ferros, e a grande surpresa da jornada, a derrota da Naval em casa com uma equipa muito fraquinha.
A naval q passou 90min a atacar e a falhar, e o Aves q num remate ganhou o jogo, enfim ha dias q nao vale a pena jogar nem sequer em casa.
O Alverca esta jornada ia causando surpresa mas o resultado final foi o normal, ou seja, mais uma derrota, sao so 11 em 18 jogos.
O Maia voltou a "dar" pontos em casa e cada vez mais me parece q nao sera ainda esta epoca q sobem.

Destaque extra futebol jogado: Portimonense-Olhanense, jogo da 2ª Divisao entre o 7º e o 8º classificados, q teve 8.000 espectadores!!! Isto nem na 1ª Divisao em muitos campos.
E ainda pras declaraçoes do treinador do Chaves, num jogo q segundo consta os Flavienses foram prejudicados pela arbitragem, levando-os a empatar em casa com a equipa mais abjecta da 2ª Liga.Nao traduzindo á letra, o treinador disse q os jogadores e ele nao csg fazer melhor pq nao estiveram num bom dia e o empate foi justo.
Ora isto na Superliga era completamente impossivel de acontecer. A primeira declaraçao q se ouve fazer em qlq jogo é q o arbitro prejudicou a equipa e o jogo, mesmo qd este ate apita muito bem. O treinador q nao diga mal do arbitro tem qs certa chicotada psicologica em cima, é assim q muitos maus treinadores se aguentam no comando de certas equipas pq vao deitando poeira, do mau trabalho q fazem, aos olhos dos dirigentes dos clubes q treinam.


TAÇA PORTUGAL

Grande jogo na Reboleira por parte do Estrela. Este Penafiel é muito fraquinho e so perdeu 1-0 pq no ataque tricolor hoje nao havia ninguem com pontaria.
Uma bola á barra e dois falhanços isolados perante o guarda-redes penafidelense, uma do Henrique e outra do recem chegado Fabio.
Golo so de penalty, a meu ver escusado pq a bola ja tinha entrado qd o Odair a tira com a mao, mas ok tb valeu.
Alguns promenores interessantes: Nunca tinha visto uma equipa em q os jogadores gritassem tanto uns com os outros como neste Penafiel, principalmente o g-redes, q deve estar rouco, de certeza.
Outro promenor foi nunca ter visto uma equipa ser tao admoestada verbalmente como agora. Cartoes pra q? As faltas do Penafiel eram de cartao mas eles primeiro q saissem do bolso ta quieto, mesmo assim acabaram com 9 jogadores, imagino se o arbitro tivesse sido o "saudoso" Martins dos Santos, tinha acabado ao intervalo por inferioridade numerica dos nortenhos.
No fim acabou por passar a equipa q jogou melhor (muito melhor).
Acho e espero q o mau futebol praticado pelo Estrela nas ultimas jornadas tenha acabado. Ovarense e Penafiel foram excelentes jogos, tricolores, do ponto de vista exibicional.
A Superliga é ja ali...

APARTE

A Liga decidiu q o V.Setubal-U.Leiria em q se marcou um golo com duas bolas em campo nao tem recurso!!! Palmas a quem as merece... É uma vergonha, enfim...

terça-feira, janeiro 25, 2005

Por onde andas?

Por onde andas?
Temos saudades da tua presença
Dos sonhos que criavas
Da alegria que demonstravas
Dos momentos de vida
E de gloria….

Por onde andas?
Já perdi a noção do tempo
Já perdi a noção da história….

Por onde andas?
Ninguem sabe
Ninguem te esqueçeu
Mas a tua presença
Nunca mais surgiu

Por onde andas?
Porque não voltas?
Porque não trazes a alegria
E a caracteristica simpatia
Com que nos brindavas
Porque não trazes
A mestria do teu jogo
a sabedoria e o amor
De um jovem que emanava
A felicidade de ser jogador

Por onde andas?
Miklos Fehér
Porque te foste?
Volta por favor
Traz a tua sabedoria
Na bagagem da vida
Traz a alegria
Que todos conheciamos
E não te esqueças
Da amizade que
Todos sentimos por ti!!!!

P.S - Que a tua alma descance em paz, e que o teu espírito zele por nós, porque nós nunca nos esquecemos de ti.
Até Sempre Miklos!!

Fehér


Um ano. Um ano passou sobre o teu desaparecimento. Um ano cheio de vida a que não pudeste assistir connosco. Lembro-me perfeitamente. Eram umas 21.30 aproximadamente, estava a ver uma fantástica vitória do nosso SLB em Guimarães, quando te vejo cair no relvado. Lembro-me de exclamar que algo de grave te aconteceu. Infelizmente aconteceu mesmo. Deixaste de poder marcar golos e sorrir. Mas serás para sempre o nosso número 29. Aquele que conseguiu unir a família benfiquista. Lembro-me de estar na final da Taça de Portugal no ano passado, após a vencermos por 2-1, olhar para o céu e dizer (como quase todos os benfiquistas): "Esta é pra ti!"
Após essa frase um sentimento de emoção profundo caiu sobre mim, desfazendo-me eu próprio em lágrimas. Foram muitos sentimentos misturados ao mesmo tempo. Um de alegria imensa devido à difícil vitória que havíamos conquistado. Outro de tristeza por não poderes estar ao nosso lado a festejar esse título.
Até sempre Miklos Fehér.

segunda-feira, janeiro 24, 2005

Vira a volta...e toca o mesmo!

Das posições cimeiras ocupadas na superliga, aquele que parece ter um futuro mais promissor é o Sporting, sem dúvida. Não me espanta nada o jogo feito por Ricardo Sá Pinto, aquele que eu considero um jogador em que a "raça" prevalece à técnica, se bem que usufrui da suficiente para ser um jogador, não de selecção, mas de um clube grande. Parabéns pela exibição que, pelos vistos fizeste, e benvindo sejas aos nossos relvados. Sem ter visto amiúde o jogo entre o Gil e o Sporting, achei o resultado exagerado, não pelo que se passou no pouco que vi, mas por me parecer que o sporting defrontava uma equipa rejuvenescida com este treinador, para além do resultado do ano passado ser um estigma para os visitados.
Dividida que esteve a minha atenção entre o jogo do FCP e outros afazeres, vi a melhor primeira parte disputada pelo FCP neste campeonato. Pressão, sem espaços para o adversário e com oportunidades suficientes e exageradas para ter construído um resultado avolumado ainda na primeira parte. Continuou na senda de outros jogos, ou seja, a falhar oportunidades claras de golo, para além de que os guarda redes das equipas adversárias têm estado inspiradíssimos, ou não fossem "lançados" nos jogos contra o FCP, quando não são os habituais titulares. Fruto dessa falta de inspiração no momento de fazer golo, acabou o jogo a defender como pôde, tendo mesmo aos 88 minutos, culminado com a defesa de Baía a segurar o resultado, depois de um remate do perigoso Edson, dando seguimento a uma falta vista pelo árbitro, pelo Paulo Sérgio da Sporttv e por outro qualquer inventor. Já era tempo de a Sporttv arranjar relatadores de jeito e imparciais, coisa que ficou bem demonstrada ontem e no seguimento do relato Benfica-Boavista, que este indivíduo não o é. Aliás, há poucos desses, mas até hoje ainda continuo a achar que o João Rosado, também na Sporttv, é um bom exemplo.
Quanto à indisciplina dos jogadores do FCP, nas agressões vistas por câmaras ou pelo árbitro, eu acho que é bem também revelador do estado em que está o futebol profissional do FCP, ou seja, sem pulso, sem ordem e com pouco respeito pelo clube. Contudo, tenho algumas considerações sobre o que se tem passado e que vão no sentido de que nenhum jogador do FCP deve ser castigado pelo CD da liga, enquanto outras situações similares não abranjam outros jogadores de outros tantos clubes infractores. Sei que os adeptos dos outros clubes que não o FCP até podem ficar resignados, mas situações similares acontecem em muitos jogos, ainda no fim de semana passado ou até há dois, em que os intervenientes foram outros e o castigo pelas imagens onde está? Deve ter voado como o dito DVD pela janela fora, só que desta vez da liga. Quem nunca errou que atire a primeira pedra, só o que se vê é que todos erram, mas só alguns é que levam com as pedras. Hipócrisia é o que eu lhe chamo, e desafio alguém a provar-me o contrário. Eu também gostava de estar na posição confortável de ver os jogadores do meu clube a agredirem e saber de antemão que não lhes são instaurados processos "sumaríssimos", que lindo nome!
Bom, relativamente ao Benfica e à derrota, eu só vi a 1ª parte do jogo, e o Beira-Mar dominou o contra-ataque por completo, criando 3 situações claríssimas de golo contra apenas uma do Benfica. Como não vi nada da segunda parte, o resultado ao intervalo pareceu-me justo, e se pecasse era por escasso. Os jogadores do Beira-Mar e o seu treinador dizem que fizeram uma exibição a roçar o perfeito, ora, na minha opinião, se isto é perfeito vão defender até ao fim do campenato para tentar ficar na superliga.
Parabéns ao Braga pelo triunfo, e espero que no próximo fim de semana descansem de conquistar qualquer ponto. Parabéns também ao Boavista que continua a fazer o que deve ser feito, ganhar às equipas que são do campeonato dele, e assim aproxima-se e ultrapassa equipas que lutam por algo mais. Parabéns também ao Rio Ave e ao trabalho de Carlos Brito, e parabéns ao Setúbal e aos reforços emprestados pelo FCP.
Deixo para último as palavras do Nuno relativamente ao Fernandez. Nuno, todos nós temos dias mais felizes do que outros, mais ou menos competentes, mais ou menos conseguidos e mais ou menos preenchidos, e se aceito e percebo que as declarações do treinador do FCP possam ter causado algum mau estar nas hostes benfiquistas, é de uma total incúria dizeres que este senhor não é humilde, ou que não tem uma postura correcta no futebol, ou que é desilegante ou mal educado. Digo-te ainda que dos treinadores estrangeiros que passaram por Portugal, só talvez o Erickson fosse tão bem educado como este, mesmo estando no gume da navalha, como está. Se este não é humilde, Mourinho o que era? E isto não sou só eu que digo, como homem, como portista e como sócio do FCP, mas é dito por muita gente que o reconhece mesmo não partilhando de outras opiniões minhas.

Atitudes

Reitero as palavras do PRM... Também estou muito, muito preocupado...
Felizmente não estava em Portugal no passado sábado e assim não me chateei tanto... De qualquer forma, o Benfica só será candidato ao título se mantiver os 7 magníficos do plantel a jogar em todas as jornadas, a saber: Miguel, Ricardo Rocha, Luisão, Manuel Fernandes, Petit, Simão e Nuno Gomes. Só quando estes 7 jogadores jogam na mesma equipa ao mesmo tempo (deve ter acontecido umas 2 ou 3 vezes esta época) é que a equipa apresenta um fio de jogo com alguma qualidade.
Como não vi os jogos deste fim de semana, vou apenas comentar o que foi comentado e dito e escolhi 2 posições, uma referente ao regressado Sá Pinto e outra referente ao treinador do FCP, o Sr. Fernandez.
Sá Pinto, após ter marcado dois excelentes golos ontem à noite disse: "Quero dedicar um destes golos ao Niculae que está a passar um momento complicado como eu passei, mas que de certeza vai voltar a ser o que era, porque é um grande jogador e merece o melhor. Quero também deixar um abraço ao Mantorras, que está novamente a jogar e que bem o merece. Só quem passou pelo que nós passámos pode imaginar o que é estar nesta situação."
É de enaltecer estas palavras de Sá Pinto que quando as proferiu se manifestou naturalmente comovido. É de realçar a luta de jogadores como ele, como Mantorras ou Niculae, que nunca desistiram do seu objectivo: continuar a jogar futebol.
A outra nota que dou é para o Sr. Fernandez, que após o jogo de Leiria disse: "O Benfica está muito por baixo, preocupo-me é com aqueles que estavam por cima de nós e podem assaltar o nosso posto." A arrogância tomou posse deste indivíduo. Como é que é possível dizer que uma equipa que está a 3 pontos de distância, e que antes desta jornada estava igual a ele, está muito por baixo??... É preciso ter lata. Ainda por cima, verificando a forma de jogar de FCP e SLB, alguém no seu perfeito juízo consegue dizer quem é que está por cima ou por baixo??? Por mais que o SLB tente jogar mal, os dragões tentam conseguir ultrapassá-los. Abra os olhos, Sr. Fernandez, e tente ser menos arrogante. Em vez de o ser, tente educar os seus jogadores que andam a passar a indisciplina pelos nossos campos de futebol nos últimos jogos efectuados... E veja lá se pela boca não morre o peixe e ainda perde em casa quando jogar com o Benfica...

Petit/Manel dependência

Estou preocupado, muito mesmo...
Não tanto pela derrota do Benfica, são jogos que acontecem, mas pela dependência que o meio campo do Benfica tem de 2 jogadores, Manuel Fernandes e Petit, quando um deles não joga, nota-se imediatamente a diferença. O pior é que não veio nenhum jogador para colmatar esta lacuna, vamos continuar até ao fim da época dependentes destes 2 jogadores, assim vai ser muito difícil conquistar o titulo.

Quanto ao jogo, foi uma desilusão, desde a defesa até aos pontas de lança, uma equipa sem força de vontade, sem espirito de sacrificio, ninguém sabia o que fazer à bola, e irrita-me profundamente como é que jogadores profissionais não são capazes de executar um centro como deve ser, ou não são capazes de parar uma bola, um gesto tecnico que é ensinado desde a iniciação...
Enfim, acredito que foi apenas um mau jogo. E nada melhor que um derby para reagir a este mau jogo.

Quanto ao Sporting, desde o inicio da época que os considerei a equipa com o melhor plantel, e a partir de uma certa altura foram para mim a equipa que melhor futebol praticava.
Este jogo com Gil Vicente apenas veio confirmar isso, sem jogadores importantes, conseguiram uma vitória facil contra uma equipa difícil.

O Porto teve de suar para vencer em Leiria, para semana vai ter um jogo importante em casa com o Braga, veremos se vão existir castigos para MacCartny e Luis Fabiano, seriam 2 perdas importante para o jogo com Braga.

Braga e Boavista, parece que vão estar na frente até ao fim do campeonato, e em vez de deixar sair os melhores jogadores, parece que estão a reforçar as equipas, temos candidatos ao titulo!

Uma pequena provocação para terminar, este fim-de-semana, o Benfica foi a Alcochete derrotar o Sporting por 2-1 em iniciados :)




sábado, janeiro 22, 2005

Superliga 2ª Volta

Depois de uma primeira volta da Superliga, estamos à espera de uma segunda volta tão emotiva, mas pelo menos melhor jogada que a metade anterior. Já chega de vermos apenas duas ou três equipas a praticar bom futebol, como foram os casos do Rio Ave e do SC Braga, e as restantes equipas muito abaixo dos níveis pretendidos, principalmente as ditas grandes.
Para a segunda metade do campeonato iremos certamente ter muitas discussões sobre os mais variados jogos e temas... Neste mercado de Inverno temos visto equipas a reforçarem-se e será sobre essas que irão cair as maiores responsabilidades nesta Superliga. Assim sendo:
- FC PORTO - não consigo entender estas movimentações no meu clube! Sem querer pôr em causa o valor dos reforços, pois não os conheço (à excepção do Leo Lima), não entendo como é que se trata desta forma jogadores que tantas alegrias nos deram e que contribuíram para grandes conquistas como foi o caso do "Ninja" Derlei. Não entendo, também, a contínua aposta em jogadores estrangeiros ao invés de jogadores portugueses que são muito bons e são os que mais facilmente se adapatariam ao nosso clube. E se a desculpa até hoje foi sempre o pouco tempo, não será difícil adivinharmos qual será a mesma daqui para a frente, caso as coisas continuem a correr como têm decorrido até ao momento... Confesso que estou mentalizado para um fracasso esta época, mas o meu apoio nos jogos estará sempre lá!
- SPORTING - está, em minha opinião, a lançar uma boa base para formar uma boa equipa. Como não podia deixar de ser essa mesma base é composta por jogadores portugueses, jovens e, que sem serem grandes craques (Custódio, Paíto, Carlos Martins...) conseguem contribuir, e muito, para o conjunto. Depois a experiência e, as mais valias de jogadores como o Rochemback e o Liedson são contributos decisivos. Esta época o Sporting tem uma grande oportunidade, face ao desacerto dos dragões, de conquistar o título.
- BENFICA - o problema das águias continua a ser o mesmo de sempre. Perdem são os piores, ganham um jogo qualquer são os maiores... Basta lembrar aqundo da 5ª jornada desta Superliga, pois para os vermelhinhos uma vitória nesse jogo dar-lhes-ia o campeonato... É um clube sem humildade e, no qual todas as pessoas lá dentro querem ter protagonismo. Caso houvesse mais estabilidade poderia ser campeão, mas felizmente ela ainda não existe por aquelas bandas, por isso não acredito que o Benfica se sagre campeão.
- BOAVISTA - boas contratações fez este clube, é muito competitivo, contudo continua a faltar alegria ao futebol da sua equipa. Nisto o seu treinador é o responsável por tudo! Para o bem e para o mal! Podia e pode muito bem ser mais um ano para os axadrezados, apesar das grandes quedas que sofreram em Alvalade e na Luz. Contudo convém lembrar que na 2ª volta o Boavista recebe todos os outros candidatos no Bessa...
- SC BRAGA - bom treinador. Lembro-me que no final da época transacta o Jesualdo era muito apupado para aquelas bandas. Com trabalho de continuidade, qualidade e com bons jogadores faz-se uma boa equipa, o SC Braga. Vai certamente à UEFA e, no caso dos grandes continuarem a vacilar, quem sabe se não poderá chegar à Champions League.

ESTA SEMANA

Esta semana que se inicia é decisiva em muitos aspectos. O campeonato está emocionante, bem disputado, independentemente da qualidade dos espectaculos não ser por aí além, a verdade é que a incerteza nos resultados, e a perca de pontos pelas equipas ditas "grandes", tem sido o "tempero" essencial, para a afirmação das outras equipas de plano intermédio.
Esta semana ainda vai ser decisiva para Benfica e Sporting, quanto ás aspirações dos dois na conquista da Taça de Portugal, que nos ultimos anos (direi na ultima decada) perdeu a importãncia que já teve em tempos.
Com o devido respeito pelas chamadas equipas pequenas, não me parece que o prestigio da conquista da taça de Portugal, seja hoje o mesmo de outrora.
Uma coisa é quando uma vez sem exemplo, uma equipa pequena chega longe na Taça, outra coisa é, quando a final se disputa entre o Estrela da Amadora e o Farense, ou o Porto joga contra o U. Leiria, o Sporting contra o Leixões.
Quanto a mim, a taça devia ser disputada de moldes diferentes, com os jogos até aos oitavos/quartos final a serem disputados no campo da equipa da divisão inferior, e a partir daí, deveriam ser jogados em duas mãos.
Tambem esta semana, termina o prazo de transferencias, e tambem por aí, se verá quem melhores negocios fez, e quais as equipas que melhor apetrechadas estão, para fazer face á segunda parte do campeonato.
A surpresa maior está para vir! E essa, diz respeito à actual situação fiscal dos clubes. Contra todas as expectativas, a liga de clubes e a federação, serviram de "escudo de protecção" aos clubes, apresentando garantias ao governo, quanto ao cumprimento do Totonegócio. passados todos estes anos, os clubes não só, acabaram por não pagar a divida, com parece que agora dizem que não tem dinheiro, e tudo isto parece-me um contrasenso, sobretudo quando assistimos diariamente á chegada de novos jogadores, os chamados reforços.
Aguardo ansiosamente os novos desenvolvimentos deste caso, porque independentemente de gostar de futebol e de ser sportinguista, entendo que as obrigaçoes fiscais são para todos por igual para serem cumpridas,e que não podem (devem) haver excepções.
O rigor e a verdade são fundamentais para o desenvolvimento do futebol em Portugal, pois só assim, algum dia os chamados clubes pequenos poderão discutir os campeonatos em que vão participando, deixando de ser meras figuras decorativas.
Boa semana desportiva, sem casos e muito bom futebol

sexta-feira, janeiro 21, 2005

Jornada de Emoções e Decisões

Este pode dizer-se um fim de semana de muitas decisões e emoções, os três grandes estão com os mesmos pontos e por isso um deslize de uma ou outra equipa poderá ser crucial para se começar a tentar definir um campeão.
Este camepeonato vai muito aceso, bastante equilibrado, e devéras interessante, o Sporting parte Domingo para Barcelos onde defrontará o Gil Vicente, depois da derrota que teve a semana passada frente ao Nacional da Madeira.
A equipa leonina sabe que perdeu a semana passada uma boa hipótese para se afirmar no topo da classificação e por isso este fim de semana o jogo é de pressão pois os Leões não se podem atrasar nesta corrida ao titulo.
Acredito que o espirito do plantel na semana que passou não fosse dos melhores pois perder em poucos minutos a hipótese de consolidar a liderança ainda mais com uma grande reviravolta de jogo que deram, não fosse proporcionar uma grande alegria, mas este Sporting tem a consciência que este é um jogo importante que nada está perdido mas é a partir de agora que se começa a tentar encontrar o Campeão, por isso ou se ganha ou se ganha e este Sporting sabe que não existe mais tempo para derrotas, assim sendo acredito que o Sporting se vai apresentar decidido e com vontar e trazer os 3 pontos para Lisboa.
É certo que pode acontecer um desaire qualquer e que aconteça uma escorregadela ás equipas e nada fique mais ou menos definido este fim de semana, no mundo do futebol tudo é possivel e ás vezes quando a pressão é maior é que os maiores desastres acontecem, vamos la ver o que aconteçe nesta jornada de emoções.
Ainda se fala na hipotese de Mota poder ingressar na equipa esta jornada, ma como o seu passe ainda não tinha chegado a FPF, é bem possivél que o Sporting ainda não se apresente com o novo reforço leonino.
A meu ver acho que é uma boa contratação mas prefiro opinar sobre este jogador mais tarde quando o vir em plena acção.
Até lá que o meu SPORTING vença!!!!!!

2ª Liga Honra

Ultima jornada da 1ª volta na Liga de Honra.

O lider, Paços de Ferreira, foi a Santa Maria da Feira perder 3-0 com o 14º classificado e perdeu o comando para o Estrela Amadora q ganhou em casa ao D.Aves e assim figura como campeao de inverno, com a defesa menos batida da prova.
Para quem acha q o jogo do Estrela contra o Aves foi o pior jogo q ja assistiu (varios comentadores de radios e jornais assim o disseram) é pq so assistiu a esse jogo na Reboleira. Este jogo ate teve mais e melhores oportunidades de golo e jogadas de ataque q muitos outros esta epoca realizados no mesmo estadio.
Semedo foi empolgante, assim como Davide mas com menor intensidade. Hugo Luz continua em crescendo, assim como os centrais e o Veiga so nao é sempre o melhor em campo pq nao tem trabalho qs nenhum.
O D.Aves foi muito, muito fraco, principalmente no ataque onde nao fez um unico remate a baliza em 90min, ou a defesa do Estrela esteve muito bem, e esteve, ou os avançados eram muito maus, o q tb se confirmou.
So um aparte para a claque do D.Aves q se deslocou a Amadora (eram uns 25) e estiveram constantemente a apoiar a sua equipa.

Quanto aos outros jogos destaque pra queda continua do Maia numa classificaçao onde ja foi lider e agora esta em 6º. O Chaves finalmente deixou o ultimo lugar, como esperado, e entregou-o ao Alverca, o q tb era esperado. Excelente vitoria, com goleada, do Varzim, ainda por cima fora, contra uma equipa que pratica o anti-jogo como futebol e de forma a tentar pontuar.

No geral voltamos a ter uma jornada com poucos empates (apenas 1) o q é um indicador da maneira como se joga na Liga de Honra. Aqui joga-se muito para os 3 pontos e é o q tenho visto nos jogos q presenciei esta epoca, com excepçao de uma ou outra equipa, que nao sabe mais e tenta a todo o custo pontuar seja la como for, nem q para isso nao jogue nem deixe jogar.

Acho q as posiçoes, agora sim, começam a definir-se nos dois extremos da classificaçao.
Os 3 primeiros dificilmente nao serao estes, acima de tudo pelo futebol praticado e tendo em conta as outras equipas do cimo da tabela, sendo q nao acredito na subida do Marco e Ovarense e o Maia esta numa de desperdicio pontual caseiro.
Na zona de descida o Alverca voltou á posiçao q em principio ocupará no final do campeonato seguido de perto pelo Sp.Espinho, assim como o Felgueiras e o ainda longe, por enquanto, Gondomar.
Esta jornada houve equipas q provaram algo q ja sabia, ou seja o Feirense o Varzim e o Chaves nao sao equipas pra descer. Falta o Santa Clara responder ao mesmo, o q nao deve tardar.

Na proxima jornada temos jogos interessantes, jogos faceis, e dois jogos de tripla, assim sao:

Jogos faceis para as equipas caseiras: Marco-Alverca, Chaves-Felgueiras, Naval-D.Aves, Maia-Gondomar.
Jogos interessantes: Estrela-Ovarense, Feirense-Sta. Clara, P.Ferreira-Varzim.
Jogos de tripla: Portimonense-Olhanense e Leixoes-Sp.Espinho

Mais uma volta, mais um campeão!

Começa hoje mais uma jornada da nossa superliga, com um encontro entre os 4º e 18º classificados. O jogo não é muito importante, mas poder-se-á tornar pois o Braga tem feito um excelente campeonato, mantem-se numa posição muito boa a 1 ponto dos líderes, pode deste modo assumir o comando mesmo que temporário da superliga e para a semana defronta o FCP.
Depois, teremos o dérbie dos dérbies, não em termos de público ou história, mas em termos de rivalidade de claques e de populações, e que é o Guimarães-Moreirense. Nestes confrontos, parece-me que nos últimos anos o Moreirense tem levado vantagem, ainda me lembro do ano em que subiu à 1ª divisão ter eliminado para a taça aquele seu rival por 4-3, ou 3-2, não me lembro bem, mas sei que foi um resultado preenchido. Curioso que "um bom filho à casa volta", e é o que acontece com Manuel Machado, que teimou em fazer bons resultados frente ao clube que prescindiu dos seus trabalhos, para não dizer mais. Curioso também, é que mesmo antes da polémica à volta de Pimenta Machado que o levou a abandonar o clube, Domingos Magalhães já tinha dito que iría ser presidente do seu clube vizinho. Ironia do destino ou não, o que é certo é que estes factos existem. Só espero que este jogo seja falado pelo futebol, por estas curiosidades e não pela rivalidade de claques e populações afectas aos clubes.
Penso que o Benfica não dará grandes chances ao Beira-Mar, que na época Luís Campos irá levar para casa, certamente, a sua terceira derrota. O que para mim há a observar neste jogo, visto que conto com uma vitória certa do Benfica, será o "flash-interview" ou a conferência de imprensa de Luís Campos, já que este é o jogo certo para ele acusar árbitros e defender-se de maus resultados, dado o mediatismo do mesmo.
Jogo com algum interesse será o Nacional-Boavista, não só pelo valor equilibrado das equipas, mas por ver como reagem a resultados diferentes na ronda passada, com dois dos líderes da superliga. De recordar que o Nacional joga em casa e o Boavista fora, tal como na semana passada, ou seja, mudam-se os adversários, mantêm-se as viagens, e o resultado qual será? Será que na semana passada a despedida de Casimiro Mior vai ser encarada da mesma forma que a recepção ao novo treinador?
Jogo a não perder, parece-me que irá ser o Gil Vicente-Sporting, embora o Gil tenha perdido em casa com o modesto Penafiel na anterior jornada, penso que este treinador está a fazer um bom trabalho e poderá conseguir um bom resultado naquele que penso ser o melhor estádio de futebol em Portugal, para uma equipa como o Gil Vicente. Nada megalómano, adequado à dimensão do clube, bem localizado, num sítio amplo mas pecando um pouco nos acessos. Equipas como o Leiria, a Académica e Beira-mar deviam ter estádios como este, já para não falar no do Algarve. Já agora digo que num estudo muito recente foi constatado que a média de pessoas que se dirigem aos estádios novos não aumentou e está nos pouco mais de dez mil espectadores por jogo, o que, tirando os clubes ditos grandes, essa média baixa para quase metade. Acho melhor demolirem os estádios e cultivarem lá qualquer coisa.
Voltando à jornada, dois jogos interessantes pelo desempenho da jornada anterior e pelo equilibrio entre as equipas. Marítimo-Belenenses, em que ambos ganharam nas mesmas condições de visita, tal como Setúbal - Penafiel, em que o 1º perdeu e o segundo ganhou.
A equipa em que eu arrisco uma vitória inequívoca neste fim de semana, a par do Benfica, é o Rio Ave. Admiro o trabalho daquele treinador e o seu estar no futebol.
Deixo para último o jogo que me diz respeito, uma visita do FCP a Leiria para defrontar a união desportiva local. Espero que o FCP ganhe, mas nos tempos que correm não se avizinha nada fácil, até a julgar pela última deslocação à região centro e que aconteceu na, bem presente na memória, semana passada. Vou, pela 1ª vez aqui no blog, arriscar a equipa que eu punha a jogar:
Vitor Baía, claro; Seitaridis (e jogares como no europeu, não? avançares no terreno, também não?), Jorge (bicho) Costa, Pedro Emanuel (pensando bem até punha o Ricardo Costa) e a 1ª titularidade a Leandro (Nuno Valente, eu avisei para não ires à selecção); ministro (vestido às riscas, mas bem na mesma), Bosingwa (joga pela certa miúdo, não falhes passes, e corre, corre!) e (lá terá de ser e até acho que entrou bem contra a académica) Léo Lima; cigano (não inventes e passa mais a bola), Luís Fabiano ( "Cif" ou "Xampa", já que de fabuloso tem mostrado pouco ou nada) e (por favor faz um golo, só um, por favor) Hélder Postiga. Ufa! Isto de ser treinador de bancada cansa imenso, mas posso fazer as asneiras e ter as minhas opiniões que ninguém me despede desse cargo, eheh, afinal é este gosto e estas opiniões que fazem com que o futebol seja o desporto rei.
Bom fim de semana desportivo e pessoal para todos.

quarta-feira, janeiro 19, 2005

Futsal

O Benfica acaba de contratar, por duas épocas e meia, um jogador de eleição: o internacional brasileiro Leandrinho.
Tem 23 anos, e em 2003 foi o melhor marcador da Liga do Brasil, sendo considerado o jogador revelação desse ano.
Já representou clubes como o Palmeiras, Corinthians e São Paulo, actualmente é jogador do Intelli / Penalty, que foi o 5.º classificado na Liga Brasileira de 2004, e deverá começar a jogar no Benfica em Fevereiro.

Entretanto já o Sporting tinha garantido a contratação de 2 Brasileiros, Emerson e Andresinho de 23 e 25 anos respectivamente. Emerson é um jovem de quem se espera muito, que veio dos desconhecidos RCG Garça, e Andresinho é vice campeão do mundo universitário pela selecção Brasileira, vem do Corinthians.

Neste momento o Benfica tem 44 pontos em 17 jogos, e o Sporting 42 pontos em 16 jogos.
Este ano tudo se irá decidir nos play offs, e pela forma como as coisas estão, acaba por ser indiferente ficar em 1.º ou em 2.º lugar, pois existe um conjunto de 3 ou 4 equipas que já demonstraram ser bastantes dificeis de ultrapassar. Freixeiro, Sporting de Pombal, Fundação Jorge Antunes e Olivais têm causado muitas dificuldades tanto a Benfica como Sporting.

Espera-se uma luta tremenda entre os 2 rivais de Lisboa pelo titulo nacional, parece que o Benfica foi quem melhor se reforçou para esta recta final, mas no ano passado o Benfica tinha uma super equipa e quem foi campeão foi o Sporting...
E claro, nos play offs muita coisa pode acontecer, Freixeiro e Sporting de Pombal (estas 2 principalmente, na minha opnião) ainda poderão ter uma palavra a dizer...

Abraços e Bons ataques

terça-feira, janeiro 18, 2005

MARIA

Maria
Partiste para um sitio sem volta,
Mas deixaste em todos nós, uma
Saudade imensa, saudade esta
Que é dificil de superar, pois a tua
Falta é impossível de suportar,
Quando fecho os olhos e penso em ti
Só uma pergunta me ocorre,
Porquê? Porquê tu? Porquê tão cedo?
Eu sei que cedo ou tarde irias
Mas se fosse mais tarde ainda hoje
Estarias connosco, a brindar-nos
com todo o teu crescer
e com toda a essencia do teu ser
Mas partis-te, Deus levou-te
dos nossos dias retirou-te,
agora a nossa vida, os nossos
Anos, tudo vai passar a ser inútil,
Pois falta-nos algo.... Tu!
Querida Maria, ajuda-nos a todos,
Já que nenhum de nós te pôde ajudar,
E lembra-te sempre que nós,
Nunca te esqueceremos!

P.S- Este Poema é dedicado á doce Maria e ao meu amigo Caneira, foi a melhor forma de honrar a nossa amizade e a uma criança linda que durante 8 meses iluminou os nossos corações e continuará a residir neles para todo sempre.
ADEUS MARIA

Campo de Ataque

Inicio hoje com este artigo algumas reflexões sobre os links que são apresentados neste nosso blog. É algo que provavelmente se vai prolongar pelas próximas semanas, visto que pretendo que seja uma análise com alguma substância, e não apenas o enunciar dos links aqui enunciados.
Começo por analisar aquele que é um dos responsáveis pela criação deste blog. O site www.zerozero.pt. Daí ser um link numa área específica e único. Foi através deste site que a maioria dos "bloguistas" que aqui escrevem se "conheceram". Passo a explicar: O site oferece a possibilidade a todos os seus visitantes de comentarem as notícias colocadas. Após alguns meses de troca de galhardetes entre os visitantes desse espaço, com opiniões mais ou menos válidas, alguns (nós) decidiram criar um espaço em que pudessem exprimir a sua opinião. Daí o surgimento do Futebol de Ataque, e daí a criação de uma secção como "Campo de Ataque", pois foi e ainda é um dos locais em que muitos se "atacam". Além do aspecto referente à salutar troca de opiniões entre quem o queira fazer, este site mostra-nos o que de melhor pode ser ser feito no panorama da internet em Portugal, ao nível da informação futebolística. Possui o maior directório de jogadores e equipas existente num site em Portugal e facilmente poderemos descobrir jogadores relativamente desconhecidos. São acompanhados 35 países e respectivos campeonatos nacionais, além de em relação a Portugal ser acompanhada a II Liga, a II Divisão B e a III Divisão. Além de tudo isto ainda são acompanhadas as competições internacionais mais importantes. Somando tudo, conseguimos ter informação de 45 competições diferentes... É obra!!!...
A par de tudo o que já foi dito, os visitantes do site poderão auxiliar a equipa do zerozero.pt escrevendo a sua própria notícia ou enviando uma actualização sobre determinada equipa ou jogador. Com uma plataforma bastante acessível isso é possível fazer em poucos segundos...
Por fim, e como grande atractivo também do site, aconselho vivamente uma olhadela na secção Apostazzz onde se podem ganhar alguns prémios acertando nos resultados da Superliga, ou de outras competições pontuais (apressem-se que vai começar a competição relativa à 2ª volta da Superliga até final da semana...)...

Em suma, a não perder uma visita atenta ao www.zerozero.pt

Deixem-me sonhar!...

20ª jornada da 2ªB, zona centro:
Vilafranquense 1 Sanjoanense 3 - Frente a frente a equipa com menos pontos conquistados em casa, versus a equipa com menos pontos conquistados fora. A vitória da Sanjoanense, vem confirmar que o Vilafranquense é a equipa mais fraca deste campeonato, a manutenção é vista cada vez mais como um milagre.
Estarreja 4 Caldas 1 - Hermes fez o jogo 500 com a camisola do Caldas, parabéns! A goleada acaba por ser natural, pois a defesa do Caldas é a pior da prova. O Caldas afunda-se na tabela.
Oliveirense 1 Penalva 1 - A Oliveirense depois da boa vitória frente ao Ac. de Viseu, volta a mostrar que é mais forte fora de casa, do que a jogar no próprio terreno. O Penalva vai amealhando pontos fora de casa. Foi pena consentir o empate perto do fim, quando jogava com menos uma unidade.
Oliveira do Hospital 1 Fátima 1 - O O. Hospital é a sensação da Taça de Portugal, mas no campeonato a descida anda por perto. A equipa de Paulo Torres ( Fátima ), continua a fazer um mau campeonato fora de casa.
Pampilhosa 3 Abrantes 3 - O Abrantes é uma das equipas que mais pontos conquista fora de casa. Não conseguiu segurar uma vantagem de 3 a 1 e deixou-se empatar nos últimos minutos de jogo.
Sporting de Pombal 0 Esmoriz 2 - O Esmoriz continua a fazer bons resultados fora de portas. O Pombal continua a lutar pela manutenção.
Oliveira do Bairro 2 Tourizense 2 - A equipa de Touriz continua nos lugares da frente e conseguiu recuperar de uma desvantagem de 2 a 0. É uma equipa a ter em conta.
Académico de Viseu 2 Torreense 1 - Com muita pena minha, não pude assistir a este jogo. Hà muito tempo que venho reclamando , pela presença do Chicabala a titular. É o melhor avançado do Académico. Fez 2 golos. Rezam as crónicas (viseuonline.com), que Caju voltou a falhar oportunidades de golo de forma incrível! Temos mais 8 jogos em casa e temos que os ganhar todos.
Sporting da Covilhã 0 Mafra 0 - Estive no velhinho e gélido, Estádio José Santos Pinto. Foi um jogo muito fraco. O líder Mafra foi uma desilusão, jogou para empatar, fez apenas um remate à baliza do Covilhã e aos 83 (!) minutos de jogo. Destaque para uma situação que eu considero anti-jogo, mas que a lei permite: Duas substituições depois do minuto 90. Esperava mais do Sporting da Covilhã. Milton ( ex- Estoril ), foi para mim uma desilusão, jogando assim não irá fazer esquecer o Nuno Coelho. Como os Leões da Serra precisavam dos 3 pontos, não percebo porque é que Fanã aos 75 minutos apenas troca de avançados! Na última jogada do desafio os serranos reclamaram, uma grande penalidade, eu estava longe, mas pareceu-me que o árbitro errou.
O meu Académico reduz a diferença para o primeiro classificado para 7 pontos. Os 2 próximos jogos vão ser dificeis. Vamos jogar ao terreno do líder e recebemos o Fátima, duas vitórias colocam os viseenses na corrida pela subida.
Deixem-me sonhar!...

31, número ímpar, primo e nunca antes visto.

Finalizada que está a 1ª volta da superliga, temos uma liderança repartida pelos três clubes ditos grandes, engraçado e talvez inédito, diga-se. Fazendo uma pequena aritmética vemos que os líderes têm uma média de 1.82 pontos conquistados por jogo, o que se revela muito pouco para qualquer um dos candidatos ao título, não fosse a média repartida por todos e já teríamos faixas encomendadas a quem estivesse destacado. Como assim não é, veremos o que esta segunda volta nos reserva e veremos no fim quem conseguiu subir a média, por forma a tornar-se campeão com o menor número de pontos, é o que se avizinha.
Excelente campeonato tem feito o Boavista, não haja dúvidas. Sabido que o campeonato não se ganha apenas por vitórias conquistadas aos clubes ditos grandes, o que só lhes aconteceu com o FCP, consegue manter-se nos lugares cimeiros, fruto dos resultados com as outras 13 equipas.
Grande primeira volta de Braga, Rio Ave e Setúbal, que se apresentam bastante fortes no seu reduto, dificultando e muito a vida aos visitantes. Uma palavra ao bom trabalho de Carlos Carvalhal no Belenenses, que com os reforços de Janeiro poderá chegar a posições ainda mais cimeiras e ao lugar destinado a este histórico do nosso campeonato. Parece-me que há uma subida de forma e de enaltecer no Gil Vicente, Moreirense e Nacional, ao contrário de Marítimo, Académica, Leiria e Beira Mar. Parece-me claramente que Luís Campos está a mais no futebol português, pelo menos ao nível da superliga, e parece-me também que não vai demorar muito a vir à praça pública queixar-se das arbitragens para ver se salva a sua pele, a manterem-se os resultados obtidos (3 jogos: duas derrotas na superliga e uma vitória em penalties para a taça de Portugal com uma equipa de escalão inferior e em casa).
Tem-se dito por aqui, por ali, na imprensa, nos cafés e talvez até na lua, que este campeonato está mais equilibrado, não por as equipas que neste momento lideram a superliga estarem mais fracas, mas sim por as outras equipas estarem mais fortes. Parece-me a mim, que isso é tapar o sol com a peneira e não admitir que FCP, Sporting e Benfica estão muitos furos abaixo do que o usual, senão vejamos: fez manchete num jornal no dia de ontem que este era, por esta altura, o pior resultado do FCP na era Pinto da Costa, revelador do que eu disse, mas acrescento que se este facto é verdade, porque não aproveitam os outros dois candidatos ao título? Não lhes apetece, não estão para isso? Ou também estão mal? Penso ser óbvio que este ano vamos todos penar com as exibições dos clubes ditos grandes, iremos estar sempre "com o credo na boca", à espera que quando um resultado for favorável o jogo acabe depressa.
Posto isto, para mim, as arbitragens "moram ao lado", e não vale a pena andar a reclamar de um lance neste ou naquele jogo, bem revelador do empobrecimento da qualidade do futebol deste ano, quando estas equipas, e perdoem-me a imodéstia, a minha, tem por obrigação criar dezenas de lances por jogo que lhe permita concretizar em golo e na vitória.
O ano começou como acabou o transacto, ou seja, pobre, pálido e pontualmente desfavorável, pelo menos para o meu FCP, e espero que se não for antes, que ainda tenhamos tempo de mudar apanhando a embalagem das eleições legislativas.
Saudações.

segunda-feira, janeiro 17, 2005

Se...

Anda toda a gente a querer arranjar explicações, para o campeonato estar tão equilibrado:Se o Porto não tem perdido aqueles pontos todos em casa, se o Sporting não tem tido aquele horrível ínicio de campeonato, se o Benfica não tem tido todas aquelas lesões, se...
Eu estou a gostar desta Superliga, é bom ver o Braga e o Boavista apenas a um ponto dos três grandes, apesar do meu coração balançar por um dos grandes, seria muito bonito ver o Sporting de Braga, campeão nacional.
Esta liga está muito competitiva, se está nivelada por cima ou por baixo a mim pouco me interessa. Hà que aproveitar o momento.
Bons ataques.

E começamos de novo...

Não vi o Académica-Porto na totalidade, mas pelo que vi, gostava de destacar um jogador da Académica, José Castro, um jovem central que fez uma excelente exibição, e que me parece que poderá vir a ter um futuro risonho no futebol Português, se não estou em erro, foi sobre este jogador que Mourinho disse que era o único central Português que tinha capacidade para crescer como o Ricardo Carvalho...
Sobre o jogo, pelo que vi pareceu-me um resultado justo, no entanto a existir um vencedor teria de ser o Porto.

Em relação ao Sporting-Nacional, gostei do jogo e da arbitragem, o arbitro deixou jogar, e apesar de não ter sido um grande espectaculo de futebol, acabou por ser um jogo que deu para entreter. Não penso que o Sporting se tenha resentido das ausências, pareceu-me mais que perdeu porque jogou contra uma equipa difícil e num campo muito difícil. Mais uma vez, destaque pela negativa para o Paito, para mim está a ser uma autêntica desilusão esta época, começo a perceber porque Fernando Santos não o metia a jogar...

O Benfica-Boavista, não foi um bom jogo, mas pelo menos gostei da consistência defensiva demonstrada pelo Benfica, não me lembro de nenhuma oportunidade de golo do Boavista, a não ser um remate de meia distancia que o Quim defendeu muito bem, e uma fifia do Argel na parte final do jogo (não se podia despedir sem mais um erro...)
O meu destaque neste jogo vai para um jogador do Boavista, este sim, não está a defraudar expectativas, falo de Nelson, joga com os 2 pés, tanto faz o lado direito como o lado esquerdo da defesa, e necessita apenas de ganhar maior maturidade a defender. Espero que não seja mais um daqueles casos tipo Rossato, que precisou de estar 2 épocas no Nacional para reconhecerem o seu valor..

Quanto ao campeonato, não podia estar melhor em termos de equilibrio, mas podia estar bem melhor ao nivel da qualidade do futebol que se pratica, mas ok, não se pode ter tudo...
Fala-se muito que o Porto tem um super plantel, que tem a melhor equipa do campeonato, etc, etc... Sinceramente, não me parece. Serão jogadores como Jorge Costa, Pepe e Pedro Emanuel melhores que Luisão, Ricardo Rocha, Alcides, Polga, Beto ou Enahkarire??? Será o Seitarides um jogador tão extraodinário ao ponto de ser melhor que o Miguel, ou mesmo que o Nelson ou o Rui Duarte??
Quem tem o Porto para o lado esquerdo da defesa?? Areias??? Ricardo Costa??? O Nuno Valente transformou-se num bom lateral esquerdo e fez um bom Euro, mas não é nenhum fora de série...
No meio campo, será o meio campo do Porto melhor que o do Sporting?? Quer em quantidade, quer em qualidade??Será o Diego melhor que o Carlos Martins??Será o Costinha melhor que Custódio?? Será o Maniche melhor que o Rochembach?? E o Hugo Viana, e o Rogério, e o João Moutinho...
O Benfica é sem dúvida o clube que parece ter maiores dificuldades no meio campo, mas de qualquer forma ainda tem 2 excelentes jogadores que estão ao nivel do Costinha, por exemplo.
O ataque será o sector mais forte da equipa, e jogadores como Luis Fabiano, Macartny, Postiga e Quaresma são sem dúvida muito bons, mas não são super estrelas, longe disso, a não ser o Quaresma, que na minha opnião, é talvez, o jogador com maior potencial a jogar no futebol Português.
E não se pode falar em equipa jovem por parte do Porto, pois não é mais jovem que a do Sporting nem que a do Benfica, tem as 3 equipas médias de idade equivalentes, as do Benfica e Sporting são ligeiramente inferiores....

Abraços e bons ataques!

Neste momento em que o futebol é o menos importante, envio em nome do Futebol de Ataque um grande abraço de solidariedade e pesar ao excelente profissional Marco Caneira, pelo falecimento da sua filha.

sábado, janeiro 15, 2005

Estrela Amadora

Jornada 16 2ª Liga

Jornada da separaçao dos 2 primeiros. O Paços Ferreira ganhou em casa e o Estrela empatou nos Acores, menos mal. O melhor da jornada ainda foi a derrota do Maia em Ovar depois de ter estado a ganhar 2-0. Destaque ainda para o Alverca q ganhou um jogo!!! e deixou o ultimo lugar ao Chaves.

Nas proximas 2 jornadas temos q o Estrela vai realizar dois jogos em casa ( D. Aves do prof. Neca e Ovarense), assim como o Maia e a Naval, isto nas equipas do topo. Vai haver muitas mexidas na classificaçao. Nos ultimos lugares temos Chaves com dois jogos muito importantes em casa pq sao com equipas muito fracas (Alverca e Felgueiras) e se nao for desta q começam a recuperar nao sei qd vai ser mas mesmo assim nao acredito q sejam candidatos a descida. Destaque ainda para dois jogos seguidos fora dos outros 3 ultimos e possivel afundanço na tabela. Alverca, Varzim e Espinho, e quer me parecer q depois desta dupla jornada vamos ter o Alverca na ultima posiçao.


TAÇA PORTUGAL

A meio da semana mais uma jornada de Taça de Portugal.
Na Amadora so apos prolongamento o Estrela levou de vencida uma equipa cheia de vedetas da 2 Divisao B (Jorge Soares (ex-Benfica), Bruno Caires (ex-Benfica, ex-Sporting, ex-Celta Vigo), Helder Clara (ex-capitao do Portimonense á duas epocas e considerado o Roy Keane de Portimao!!!), Manuel do Carmo (ex-V. Setubal), Brito (ex-finalista da Taça de Portugal com o Leixoes), etc.
Foi um dos jogos mais horriveis q ja presenciei.
Alguem q leve embora o Romulo e o Mauro por favor, troco os dois pelo Pinilla e ainda pago. Nao admira q tenhamos ido buscar o Fabio ao Gil Vicente, pq o Henrique coitado anda muito mal acompanhado na frente.
O jogo so teve uma tendencia, a baliza dos Algarvios, com 2 bolas á barra e inumeros remates ao lado ou para boas defesas de Dadinho. O Louletano rematou uma so vez, aos 80min e por cima da barra. Apesar de tudo o futebol era horrivel. A quantidade de bolas desperdiçadas pelo Romulo foi tao desesperante q eu proibia-o de jogar mais a bola, pelo menos como avançado. Ja aquando do jogo com o Marco em q o Estrela ganhou 6-2 e o Romulo marcou dois golos eu disse q quem sofre um golo dele deve ser muito mau guarda-redes e quem sofre dois, como no caso, devia mudar de profissao ou posiçao.
Outra das caracteristicas do jogo foi haver um palhaço em campo. Sim um palhaço, o Louletano veio jogar com 10 jogadores + 1 palhaço, so q este nao tinha piada nenhuma (Manuel do Carmo, q se demarcava logo dos outros pelas botas brancas de vedeta ou de palhaço, como quizerem). Entrava com toda a violencia desnecessaria á bola, e qd caia, sozinho pra variar, rebolava imenso no chao com esgares de dor de toques imaginarios, enfim nao admira q do Vitoria Setubal tenha ido pro meio da tabela na 2 Divisao B.
Bom, felizmente acabou, o jogo mas o assustador é q ja no domingo havera mais e pro campeonato.
Em relaçao ao sorteio calhámos outra vez em casa desta feita com o Penafiel, a ver vamos o q da, é bastante acessivel para as duas equipas.


FUTSAL

O Estrela perdeu em casa pra taça com o Vila Verde da 2ª Divisao, inacreditavel.

O resto da semana foi bastante interessante com um jogador estrelista, junior e internacional a ser preso por assaltos varios e parceria em gang, nada de estranhar, afinal a regiao da Amadora e Cacem é o q se sabe. Assim como outras terras da regiao da grande Lisboa que so estranho é ainda nao terem apanhado mais ninguem tanto aqui como noutro lado, enfim...

quarta-feira, janeiro 12, 2005

Em memória de Cavém


Domiciano Barrocal Gomes Cavém... Um nome complicado, e estranho... Um nome que ficou ligado ao Benfica para sempre. Um jogador pelo que rezam as crónicas que foi um dos grandes entre os maiores. Deixou-nos ontem, mas a memória de muitos dos seus golos ficará para sempre em muitos dos portugueses e em particular dos benfiquistas. Sou novo demais para o ter visto jogar, infelizmente só vi imagens. Mas felizmente posso falar com pessoas que até o viram ao vivo... Foi provavelmente o jogador mais versátil que apareceu no futebol português. Ao longo da sua carreira fez 9 posições diferentes em campo, só não tendo sido avançado centro e guarda-redes. Foi como extremo-esquerdo e defesa direito que mais de notabilizou de águia ao peito. Para dar uma ideia da versatilidade deste bicampeão europeu, foi um dos jogadores que participou nos anos 60 em 3 finais da Taça dos Campeões Europeus em anos consecutivos, e nas três vezes ocupou lugares diferentes em campo. Contra o Barcelona foi extremo-esquerdo (3-2); contra o Real Madrid foi médio (5-3); por fim contra o AC Milan foi defesa-direito (1-2). Mostra bem a categoria deste jogador. Jogou durante 14 anos no Sport Lisboa e Benfica, disputou 542 jogos de águia ao peito e marcou 125 golos. Números que ficarão para a posteridade.
Dono e senhor de qualidades ímpares, como o excelente jogo de cabeça ou o bom poder de "fogo" com os dois pés, começou a levar a bola mais a sério no Sporting da Covilhã - antes passou pelo Celeiro e também pelo Lusitano de Vila Real -, onde permaneceu entre 1952 e 1954. Depressa se tornou uma vedeta no clube, mas como não lhe ofereceram emprego à margem do futebol, partiu de malas e bagagens para Setúbal, onde laborou como funcionário público. O Benfica aproveitou para lhe lançar o "encanto" e, por apenas 175 contos, Cavém passou a dedicar-se apenas ao futebol... e ao emblema da "águia". Vestiu a camisola do Benfica até aos 38 anos e pôde orgulhar-se de ter sido um dos jogadores com maior número de épocas ao serviço do meu Glorioso clube.
Agora que subiste ao Reino dos Céus, curvo-me perante a tua grandeza.
Obrigado Cavém!


Nome: Domiciano Barrocal Gomes CAVÉM
Data de nascimento: 21/12/1932
Naturalidade: Vila Real de Santo António
Clubes que representou: Celeiro, Lusitano de Vila Real de Santo António e Sporting da Covilhã Títulos: 2 Taças dos Campeões Europeus (1960/61 e 1861/62); 9 Campeonatos Nacionais da I Divisão (1956/57, 1959/60, 1960/61, 1962/63, 1963/64, 1964/65, 1966/67, 1967/68 e 1968/69) e 5 Taças de Portugal (1956/57, 1958/59, 1961/62, 1963/64 e 1968/69)
Primeiro jogo: 04/12/1955 (Torreense; 2-2, Estádio da Luz)
Último jogo: 22/09/1968 (Setúbal, 2-1, Estádio da Luz)
Primeiro golo: 08/01/1956 (golo 3-0, contra o Atlético; resultado final 3-0, Estádio da Luz)
Último golo: 04/07/1965 (golo 2-1, contra o Setúbal; resultado final 3-1, Estádio do Jamor)
Épocas no Benfica: 14 (1955 a 1969)

segunda-feira, janeiro 10, 2005

Regresso de Férias e.........VITÓRIA!!!!

Apesar de nunca ser agradável regressar de férias, é com muita satisfação que regresso com uma vitória do meu tão amado clube SPORTING!
Pois bem, como seria óbvio depois do meu interrégno aqui no Blog não poderia deixar de me sentir contente de o meu primeiro ataque de 2005 ser precisamente sobre o meu clube e a sua vitória merecida sobre o Benfica, sendo que aquele gostinho de vitória vem mais á tona quando é contra este rival…..eheh.
Deste jogo ao qual consegui assistir posso denotar que os Leões sem serem 100% implacáveis conseguiram assumir o jogo desde inicio tornando-se mais dominadores que a equipa das aguias.
O Sporting mostrou desde cedo que não estava ali para empatar nem muito menos para repetir o resultado na primeira ronda e por isso mesmo mostraram consistência, ao contrário do rival que se mostrou retraido e sem vontade de arriscar.
A equipa verde e branca jogou com tactica e inteligência procurando penetrar nas fragilidades rivais onde se notou que a troca de Paulo Almeida por Bruno Aguiar não mostrou uma grande valia na equipa , pois a qualidade da passagem de bola para o ataque éra fraca o que fez com que Nuno Gomes andasse perdido durante o Jogo.
No Sporting Rochemback assumiu o controlo do meio campo, sendo usado o conheçido losango leonino onde ele se tornou senhor daquela área dando boas jogadas a Douala e Liedson que aos 23 minutos marcou o primeiro golo da equipa verde e branca dando a vantagem aos Leões.
A partir dai pareçe que o Benfica levou uma injecção de consciencia pois pareçe ter acordado para a realidade do Jogo e começou a atacar a fragil defesa do Sporting e não foi de estranhar que passados 4 minutos o tento da igualdade surgisse num lançe rapido começado por Geovanni que isolou Nuno Gomes e fez com que este jogador há já algum tempo afastado da equipa marcasse para os vermelhos.
A partir dai o Sporting mostrou-se fragilizado pelo empate e deu mostras disso deixando que o jogo se tornasse mais aberto e que o Benfica conseguisse jogar de forma mais ofensiva, além disso Rui Jorge que teve que recorrer á falta para evitar um mal maior por parte de Geovanni foi expulso deixando o Sporting em maus lençois e o Benfica com mais apetite de marcar.
A equipa verde e branca fez algumas alterações colocando Hugo Viana a lateral esquerdo e Doula recoou no meio campo, fazendo com que o jogo não se tornasse dominante para nenhum dos lados, até que Alcides foi expulso( na minha opinião injustamente)e a partir dai o Sporting ganhou confiança para continuar com o jogo e passou a ser superior, tendo num lançe de extrema inteligencia por parte de Rochemback que lançou a bola para Carlos Martins e este colocou-a bem ao jeito de Liedson , foi só rematar e….GOLO.
Pois bem assim se fez o derby Lisboeta,com os dois treinadores a concordarem com a vitória Sportinguista.É ainda de salientar o regresso de Mantorras á equipa titular depois de dois anos parado.
E depois desta vitoria o meu Sporting ascende ao 1º Lugar com mérito,assim sendo é sempre bom voltar de férias com boas noticias.
Boa Semana a Todos.